Orixás do Mês de Outubro

Dia 20 – São Sebastião (Oxossi, na Umbanda)

Imagem Internet

Salve nossos Caboclos na Umbanda!
Nós, umbandistas começamos nosso primeiro mês do ano prestando homenagem aos nossos caboclos da Umbanda.
Não existe Templo sem caboclo!
Um Templo que não se firma nas raízes dos caboclos é como uma árvore apenas fincada no chão. Mais cedo ou mais tarde acaba ruindo e caindo por terra. Sem Oxossi não há folhas, sem folhas não há saúde e sem saúde não há vida. Sem Oxossi não há ciência e sem ciência não evoluímos.
O caboclo estimula nossa percepção, logo entendemos porque os caboclos da Umbanda falam pouco e dizem muito em seus trabalhos.
Notamos que nos trabalhos desenvolvidos por esses cientistas, eles não se envolvem em conversas sobre nossos problemas pessoais. Porém, mostram um interesse profundo em nos ajudar a nos libertarmos de sofrimentos, doenças e perturbações.
A humildade destes guias é tamanha que se pedirmos que nos atendam eles atenderão, mas defendo o respeito pela hierarquia espiritual. Por isso, em nosso Templo não invocamos os caboclos para dar consultas individuais (não estou dizendo que seja errado, que outros Templos façam isso).
Eles trabalham geralmente usando folhas etc. Dão suas mensagens, passam ensinamentos e abençoam todas as pessoas presentes.
Como disse, no nosso Templo não os envolvemos em consultas individuais. Explico o porquê: os caboclos são cientistas que muito têm a desenvolver para a humanidade e não temos o direito de ocupá-los com nossos conflitos, quando temos nossos Baianos, Boiadeiros, Marinheiros, Pretos Velhos e Exus, que nos dão assistência.
Defendo a ideia que devemos respeitar a hierarquia espiritual, pois o respeito é fundamental! Por que irei convidar um mestre para assistir a um filho, quando temos os doutores por ele preparados para nos dar essa assistência?
Não podemos deixar de lembrar do grande chefe guerreiro, Ghandi, filho de Oxossi, que lutou por um mundo mais justo e melhor.
Sonhou com a liberdade e a paz entre os homens. Toda sua trajetória de coragem, humildade, sabedoria e fé nos revelou o verdadeiro perfil de um filho de Oxossi.